Relembre 5 programas dos anos 2000 que deixaram saudades

ICQ, MSN e mIRC ajudaram a fazer e manter amizades na época

Publicado em 29/08/2017
Relembre 5 programas dos anos 2000 que deixaram saudades

Se você viveu a adolescência no final dos anos 1990 e começo dos 2000, sabe que se comunicar com os amigos ou até ouvir música não eram tarefas tão fáceis.

A capacidade de esperar era a maior virtude do usuário daquela época. Era preciso aguardar o horário mais barato para se conectar e ingressar no programa escolhido, além de esperar que a pessoa com a qual você gostaria de conversar fizesse o mesmo procedimento.

Os dias de espera necessários para baixar um arquivo simples de MP3 também eram longos. Mas, apesar de tudo, diante das facilidades que a nova web proporciona, os programas disponíveis na época provocam uma certa nostalgia.

Relembre 5 sistemas que fizeram parte da sua vida e que deixaram saudades:

mIRC

mirc

Se você queria encontrar os seus amigos depois da escola ou conhecer pessoas jovens, o mIRC era o canal favorito daquela geração. O programa era separado por canais (séries, filmes ou bandas) ou até mesmo cidades. Então era possível conhecer uma pessoas de onde você morava por meio de um grande bate-papo, e em seguida chamá-la para conversar no privado. Foi uma verdadeira revolução e o princípio da "amizade virtual".

ICQ

icq

Para substituir a interface primitiva do mIRC, o ICQ entrou na vida dos usuários no começo dos anos 2000. Ele foi um dos primeiros programas de comunicação instantânea que conquistou o Brasil e outros países. Criado pela empresa israelense Mirabilis, o sistema ficou famoso pelo sonoro "oh-oh" que ecoava no alto-falante quando chegava uma mensagem nova.

MSN

msn

A evolução do ICQ foi, sem dúvida, o MSN Messenger, lançado 1999. Com design mais moderno e limpo, o programa da Microsoft fazia parte da rotina da maioria dos brasileiros. Quando a ferramenta passou a aceitar GIFs e emotions, o sucesso foi total. Com a comunicação por celular, o MSN foi caindo em desuso até ser desativado e ter sua base de usuários migrada para o Skype.

Napster

napster

Esse serviço enfatizou a partilha de arquivos codificados em formato MP3. O mundo inteiro passou a trocar e ouvir músicas que antes eram inacessíveis. Dessa forma, o programa abriu caminhos para sucessores tão populares quanto, como o Audiogalaxy, Kazaa, Emule e Limewire. O lado negativo disso foi a ascensão da pirataria, no entanto, a iniciativa contribuiu para a criação de programas de streaming como YouTube, Spotify Deezer.

Winamp

winamp

Depois de baixar músicas, era necessário um programa para rodar os arquivos. Esse era o papel do Winamp. Com cara de mesa de edição de som, ele fez a alegria de uma geração inteira. A sua última versão é de 2014, mas o site oficial diz estar trabalhando em uma reformulação do programa. Será que o seu aspecto retrô vai agradar os usuários mais jovens?

Fotos: Divulgação